terça-feira, 31 de agosto de 2010

Tijolos: A vantagem de cada modelo.

Um dos materiais com mais funcionalidade e durabilidade dentro da construção, o tijolo de alvenaria é utilizado pelo homem desde 4 mil anos A.C., e pode ser aplicado tanto para vedação, apoio, fundação, como também na parte decorativa de uma obra.


Bloco de concreto:

Os mais comuns são fabricados com cimento e pedrisco, mas existe também o estrutural, que são feitos para suportar carga. Sua utilização é na alvenaria estrutural e são encontrados em diversos tipos.

Tijolo de vidro:

O alto custo e a baixa resistência faz com que esse tipo de material seja usado em locais específicos, quando se quer determinado efeito estético ou para maximizar a luminosidade.

Solo-cimento:

Quando utilizado, esse tipo de material faz com que a construção demore a esquentar durante o dia, e como consequência, demore a esfriar durante a noite, deixando a temperatura interna sempre equilibrada.

Tijolo de barro cozido:

O mais comum dos tijolos. Está disponível no mercado em vários modelos como para compor cantos, paredes curvas, modelos semicirculares para colunas e para revestimento. Podem ser utilizados tanto para alvenaria de vedação, quanto para acabamento, o famoso ‘tijolinho a vista’.

Tijolo furado:

Mais conhecido como Tijolo Baiano, esse tipo de peça tem sulcos externos que facilitam a ade-rência da argamassa. É de rápida colocação e preço acessível.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário